CEDAPS | Centro de Promoção da Saúde

MENU MENU

Notícias

13 de julho, 2016

Disseminando informação e promovendo saúde

Rede de Comunidades Saudáveis e CEDAPS levam Camelô Educativo para presídios

Equipe da Redes de Comunidades Saudáveis durante ação nos presídios

No mês de maio, o CEDAPS e Rede de Comunidades Saudáveis participaram do projeto TB Reach, uma iniciativa do Ministério da Saúde/Programa de Controle da Tuberculose e Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC). A participação está em consonância com os objetivos da Rede de Comunidades Saudáveis e do CEDAPS, que é defender e promover o direito à saúde e aumentar a visibilidade das ações realizadas por organizações de base comunitária.

O CEDAPS e a RCS realizou ações de advocacy, comunicação e mobilização social a respeito da Tuberculose, através de campanhas educativas nas filas de espera de visitantes aos privados de liberdade nos presídios de Bangu, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Como forma de levar informação para esse público, a Rede fez uso do Camelo Educativo, amplamente utilizado em diversas comunidades populares do Rio de Janeiro e de outros estados.

O Camelô Educativo é uma estratégia utilizada pelas organizações que fazem parte da Rede de Comunidades Saudáveis para desenvolver ações de prevenção e cuidado frente à Tuberculose e à epidemia de DST/Aids, no cotidiano comunitário.

Camelô Educativo da Redes de Comunidades Saudáveis

Para Patrícia Werlang, do Programa Nacional de Controle da Tuberculose – DEVIT/SVS/MS, o camelo educativo levou mais qualidade para a ação: “as intervenções na fila de espera realizadas no Complexo de Gericinó, em parceria com CEDAPS e RCS, representaram um diferencial qualitativo para o Projeto TB Reach. Através do trabalho desenvolvido pelas lideranças comunitárias foi possível realizarmos a sensibilização dos familiares para a relevância do controle da tuberculose no Sistema Prisional e engajá-los nas ações desenvolvidas pelo Projeto”, comentou ela.

Wanda Guimaraes, coordenadora do CEDAPS, ressalta a importância do trabalho das multiplicadoras e ativistas em Tuberculose que fazem do Camelo Educativo: “o Camelô é um espaço de ouvir e dar informações educativas, tirar duvidas e conversar sobre o tema, e, sobretudo acolher. Nos dias que estivemos na fila de visitas, repassamos 12 mil preservativos masculinos, 2 mil femininos e cerca de 4 mil materiais educativos e utilitários da campanha. Foram dias intensos, de grande aprendizado e muitos desafios para que o direito á saúde se consolide para todos”.

A Rede de Comunidades Saudáveis

A RCS é uma iniciativa do CEDAPS, que se apresenta como entidade geradora e se compromete a trabalhar pela consolidação e fortalecimento deste movimento por saúde nas comunidades populares do Rio de Janeiro.

O CEDAPS propõe dinâmicas participativas e dialógicas para capacitar os participantes a definir, priorizar e analisar problemas e recursos disponíveis ,e em seguida elaborar, implementar e avaliar projetos de ação. Além disso, sistematiza, avalia e divulga os projetos e promove a construção de redes, a troca de experiências e a replicação e expansão quando adequado.