CEDAPS | Centro de Promoção da Saúde

MENU MENU

Notícias

10 de dezembro, 2019

Chama na Solução, juventude presente!

Quando você pensa em vários jovens reunidos em um mesmo espaço o que vem a sua cabeça? É provável que algazarra e bagunça tenham sido alguns dos pensamentos, não é mesmo? Mas o que temos para contar, é que toda essa energia é uma enorme força criativa capaz de desenvolver ideias que podem mobilizar comunidades inteiras. Foi pensando nessa potência positiva do jovem que o UNICEF desenvolveu o Chama na Solução e chamou o CEDAPS para ser parceiro técnico nesse projeto, que convoca a juventude de periferia do Rio de Janeiro para ser parte da solução em reduzir a distância entre os jovens mais vulneráveis e as oportunidades de trabalho. A abordagem que será utilizada durante o processo criativo é o design thinking, que tem como premissa buscar soluções para problemas de forma coletiva e colaborativa, com a participação de quem de fato vive o problema na construção das respostas.

Para isso, como primeiro passo, jovens mentores iniciaram uma caravana em diversos territórios do Rio de Janeiro para divulgação do edital do projeto coletando ideias dos jovens moradores desses locais.

Mobilização na comunidade da Mangueira:

Mobilização no Morro do Borel:

Mobilização na região da Pavuna:

Mobilização no Morro dos Prazeres:

A seleção dos participantes foi realizada seguindo os critérios estabelecidos no edital. As inscrições dos jovens com idades entre 14 e 24 anos e moradores do Rio de Janeiro, foram analisadas, e os “desafios” e “ideias” apresentados foram categorizados.

Na etapa seguinte, procurou-se equilibrar a representatividade de cada critério estabelecido, abarcando também boas ideias e desafios colocados, além das histórias de vida dos jovens. Nessa escolha considerou-se os jovens que tiveram dificuldade em apontar desafios ou ideias, buscando assim um equilíbrio entre diferentes perfis: mais ou menos articulados / com mais ou menos experiência no tema.

– Ideias em grupo ou individuais podiam ser apresentadas;
160 inscrições (individuais ou em grupos) foram recebidas de 207 participantes;
– Das 160 inscrições recebidas, 153 foram feitas pelo link do formulário de inscrições;
– E 7 através do número de WhatsApp por meio de textos, áudios e vídeos. Método usado para contemplar o maior número de jovens possíveis, colocando à disposição os canais de comunicação aos quais eles têm acesso;
– No total 100 jovens foram selecionados.

E no dia 30 de novembro começou a Jornada de CriAção! Utilizando métodos visuais que estimulam a análise e a criatividade, os participantes passaram por um processo de reflexão sobre os problemas colocados para criarem juntos soluções. Ao final da Jornada de CriAção, cinco soluções desenvolvidas receberão financiamento para ser implementadas.

O objetivo do Chama na Solução é envolver os jovens na criação de soluções para problemas que os afetam e nesse processo proporcionar seu desenvolvimento como cidadãos, potencializando habilidades e competências para a vida.