CEDAPS | Centro de Promoção da Saúde

MENU MENU

Notícias

21 de setembro, 2009

ERONG Sudeste propõe apoio ao trabalho de prevenção da aids em comunidades

Entre as propostas votadas na Plenária Final do 4° Encontro Regional de ONG/Aids Sudeste – realizado de 5 a 7 de setembro, em Ribeirão Preto (SP) – duas reivindicam mais apoio (inclusive financeiro) dos governos ao trabalho de prevenção das DST/Aids, desenvolvidos em comunidades populares. As propostas serão debatidas novamente no Encontro Nacional de ONG/Aids (ENONG), que acontecerá em novembro, na cidade do Rio de Janeiro. A Rede de Comunidades Saudáveis (RCS) e o CEDAPS participaram do encontro.

“Que haja reconhecimento e apoio governamental – com incentivo – para as ações já desenvolvidas pelas comunidades empobrecidas” foi o texto da proposta elaborada pelo GT Pobreza, crack e aids, destinada ao Departamento de DST/Aids do Ministério da Saúde e aprovada pelos participantes do ERONG.

“Soubemos que lá em São Paulo os agentes já recebem e aqui não. Já são reconhecidos no seu trabalho. A experiência de São Paulo motivou a gente na proposta”, disse Gracinda Bueno, presidente do Grupo de Mulheres de Vila Parque Cidade, uma das associações integrantes da Rede de Comunidades Saudáveis.

Reunindo agentes de redução de danos e agentes comunitários de prevenção (muitos da RCS), entre outros participantes, o GT Pobreza, crack e aids elaborou mais duas propostas relacionadas ao contexto de pobreza: “Instrumentalização técnica e material para profissionais, agentes de saúde, de prevenção e multiplicadores para abordagem de redução de danos em contextos de pobreza” e “Elaboração de folhetos sobre adesão ao tratamento de TB/HIV/aids e dos riscos causados pela não adesão ao tratamento”. Ambas foram direcionadas ao Departamento de DST/Aids.

“As propostas apresentadas foram boas; a maioria só precisou de adequação de texto para ser aprovada. A gente espera que elas venham a ser pactuadas e amarradas no ENONG. Tem que reforçar essas propostas”, disse Gracinda sobre o resultado final dos trabalhos.

As associações da Rede de Comunidades Saudáveis que participaram do 4° ERONG Sudeste foram: Casmma, Projeto Rede de Proteção Humana, Grupo de Mulheres de Vila Parque da Cidade, Centro Social e Cultural Tatiane Lima, Centro Comunitário Raiz Vida, Comitê Conjunto Caioaba, Comitê Menino Jesus de Praga, Casco, Associação de Moradores do Morro da Fé, Ponto de Arte Cidadã, Associação de Mulheres e Amigos do Morro do Urubu e Associação de Mulheres de Edson Passos.

Para conhecer as demais propostas aprovadas pelo 4° ERONG Sudeste, clique
aqui
.

Matéria relacionada:

RCS participa do 4º ERONG Sudeste

Publicado em 21-09-2009