CEDAPS | Centro de Promoção da Saúde

MENU MENU

Notícias

17 de dezembro, 2007

Cedaps participa de reunião semestral do PSPE

De 15 a 17 de outubro, o Cedaps participou da segunda reunião semestral do Programa Saúde e Prevenção nas Escolas (PSPE), no Rio de Janeiro. O encontro reuniu representantes de cada pólo regional do programa e do Grupo Gestor Municipal (GGM) para apresentar ações, discutir novas estratégias, refletir sobre o papel dos pólos, fortalecer a criação dos GGMs e planejar novas ações.

Como membro do Grupo Gestor Estadual (GGE), o Cedaps contribuiu com a metodologia Construção Compartilhada de Soluções em Saúde para discussão e levantamento de recursos e parcerias. Através de dinâmicas como “caderno de perguntas”, “mapa social” e também com a matriz coletiva, o grupo de quatro facilitadoras do Cedaps e quatro facilitadoras do GGE contribuiu para o planejamento do trabalho dos nove pólos que estavam representados por 62 profissionais e adolescentes/jovens.

Após o encontro, as informações sistematizadas foram encaminhadas aos representantes das Secretarias Estaduais de Saúde e Educação para serem enviadas aos participantes de todos os municípios.

O Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas é uma parceria entre Ministério da Saúde, Ministério da Educação, Unicef e Unesco. Ele articula governo e organizações da sociedade civil para a promoção de ações integradas entre saúde e educação. Para mais informações, consulte o site do Ministério da Educação (http://portal.mec.gov.br)

Caleidoscópio Adolescente

De 07 a 09 de novembro, o Cedaps participou também da Segunda Formação Continuada de Jovens Ativistas do Projeto Saúde e Prevenção nas Escolas – PSPE/RJ. No encontro, realizado pela Secretarias Estaduais de Saúde e Educação do RJ, a equipe do Cedaps aplicou o jogo Caleidoscópio Adolescente.

No Caleidoscópio Adolescente, o objetivo é que cada jogador ou jogadora construa um caminho para sua adolescência, respondendo a questões – colocadas de maneira que todo o grupo participe, discuta e aprenda de maneira lúdica e prazerosa – sobre diversos temas, como diversidade, saúde, ser adolescente, inclusão, participação e direitos. Com as respostas, forma-se um caleidoscópio colorido que demonstra como a adolescência é um momento pleno de diversidade, criatividade, alegrias e desafios.

Participaram da aplicação do jogo 46 adolescentes/jovens, representando 35 escolas. Os/as profissionais que acompanharam os participantes durante o evento ficaram nos grupos como observadores/as e anotaram suas impressões. Como o jogo foi aplicado no início do encontro, as questões que necessitaram de esclarecimento ou os temas de maior interesse puderam ser aprofundadas no decorrer do evento.

Segundo a avaliação dos participantes e observadores, o jogo contribuiu para identificar qual entendimento cada um já traz sobre o tema, quais temas precisam ser explicados anteriormente e também contribuiu para estimular o interesse dos adolescentes na construção de suas próprias respostas e para o respeito à opinião dos outros.

 

(Publicado em 06-12-07)